sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

O Cristão e a Greve






                A raça humana sempre predispôs aqueles que lideram e aqueles que são liderados. Esta é uma questão até mesmo naturalmente desenvolvida através da criação e/ou através dos ímpetos da personalidade inata. Não existe nada de errado neste aspecto do ser ou não ser líder.
                Biblicamente vemos na história que esta foi sempre uma realidade. Já no início Deus criou o homem e entregou a ele toda a natureza para que ele dominasse sobre ela. Era uma relação benéfica para ambos, homem e natureza em harmonia: “... e colocou o homem no jardim do Éden para o cultivar e o guardar”.
                Vem o ato do pecado e esse elimina toda possibilidade de harmonia entre a raça humana e a natureza e tão certo, entre o homem e o seu próximo. A mulher ficou delegada à orientação do homem pelo seu erro em ter avançado em área que não era de sua competência: “o teu desejo será para o teu marido e ele te dominará”. E o homem castigado por sua omissão em não ter assumido seu papel na criação e desde então o seu trabalho seria um constante sofrimento pois a terra não teria mais aquela predisposição em produzir como antes: “maldita é a terra por tua causa, ela produzirá, cardos e abrolhos...”.
                A harmonia foi quebrada pelo pecado não somente  entre a raça humana, mas também entre a raça humana  e a própria criação; e a partir daí  estão em pé de guerra. A  greve é exatamente uma das demonstrações da quebra dessa harmonia que há na raça humana,  um conflito não resolvido entre governo e liderados. Mas o cristão, visto que ele tem a bíblia como regra de fé e prática, pelo menos deveria, obriga-se a olhar para a Escritura e ver o seu ensino sobre esta questão.
                Sempre existem as razões dos dois lados. Uns querem melhoria das condições de trabalho e melhores salários e outros têm nas suas mãos a responsabilidade de oferecer estas questões.
                De um lado o desejo em si mesmo de ter melhores condições de trabalho é uma justa questão obviamente eliminadas as tendências egoístas. A outra questão é o sustento em si mesmo, o dinheiro.  Paulo falando acerca desta questão à Timóteo afirma: 1 Timóteo 6:10 Porque o amor do dinheiro é raiz de todos os males; e alguns, nessa cobiça, se desviaram da fé e a si mesmos se atormentaram com muitas dores.” E na carta de Tiago afirma: Tiago 4:1 “ De onde procedem guerras e contendas que há entre vós? De onde, senão dos prazeres que militam na vossa carne? ” A raiz de todo conflito? Cobiça, amor ao dinheiro, egoísmo, ganância. 
                 Os líderes sabem muito bem de todas estas questões, falo aqui de liderança sindical. Não digo sabem das questões bíblicas, pode até ser, mas falo do desejo de todos quererem melhorar financeiramente visto como algo bom.  E manipular uma grande massa chamando o mal de bem,  o que existe de pior dentro dela: Cobiça, amor ao dinheiro, egoísmo, ganância, se torna a dominação ainda mais fácil, pois o título dado a esta luta é: “temos que lutar pelos nossos direitos”. De fato: direito a permanecer no estado pecaminoso, direito à própria condenação, por isso também está escrito que: “cada um dará contas de si mesmo a Deus”, liderados e líderes.
                A outra questão é o aspecto da relação entre governo e população. A Bíblia nos orienta a manter uma relação com aqueles que nos governam e nos dá qual deve ser a direção em alguns textos:

·         Romanos 13:1-2  Todo homem esteja sujeito às autoridades superiores; porque não há autoridade que não proceda de Deus; e as autoridades que existem foram por ele instituídas. 2 De modo que aquele que se opõe à autoridade resiste à ordenação de Deus; e os que resistem trarão sobre si mesmos condenação.

·         1 Timóteo 2:1-2 1 Antes de tudo, pois, exorto que se use a prática de súplicas, orações, intercessões, ações de graças, em favor de todos os homens, 2 em favor dos reis e de todos os que se acham investidos de autoridade, para que vivamos vida tranquila e mansa, com toda piedade e respeito.
                A orientação para o cristão verdadeiro não é a de entrar em conflito com a autoridade, ou com o governo. E querendo ou não uma greve é um ato de extrema rebeldia, como no texto de Romanos acima, se torna um atentado contra o próprio Deus. Caso a autoridade não esteja sendo boa para nós, pergunto: quantas vezes oramos de modo específico acerca dela, e mais, oramos com ela? Se enquanto liderados por homens investidos de autoridade não oramos por eles, o que nós temos o direito de reclamar assumindo uma posição de rebeldia entrando em uma greve?
                Ninguém está aqui fazendo apologia a nada. O governo tem sua responsabilidade sim e sou o primeiro a ir até eles se furtarem-se à esta obrigação. E perante Deus, eles têm o dever de cumprir fielmente a obrigação que lhe foi entregue. Entretanto, existe outras possibilidades de resolver conflitos que não uma greve? Claro que sim. O diálogo é sempre a melhor opção.  Se o governo não quer ter diálogo é uma coisa, agora, os liderados se furtarem a oportunidade do diálogo oferecida é outra.
                Em outros tempos não havia diálogo. O motineiro (grevista) era encarcerado, não tinha qualquer direito, eram torturados, tinham seus ossos quebrados para entregar seus amigos, suas esposas e filhas eram estupradas e mortas. Mas o ser humano é incrivelmente corrupto em seu âmago. Agora com a desculpa de liberdade, se bloqueiam ao diálogo, tendo a mesma atitude do governo de outrora, e querem pela força da rebeldia terem seus “direitos” realizados? Haja gênio da lâmpada para realizar todos.
                Meu avô tinha um ditado muito interessante. Ele sempre dizia com respeito ao emprego, com respeito ao salário: “É melhor lamber do que cuspir”. Um ditado com base em um princípio bíblico: 1 Timóteo 6:8 “Tendo sustento e com que nos vestir, estejamos contentes. ” Ou seja, não é triste ou vergonhoso tendo o básico para vida.
               Termino usando mais uma vez o texto de Tiago me alongando um pouco mais:
Tiago 4:1-2 “De onde procedem guerras e contendas que há entre vós? De onde, senão dos prazeres que militam na vossa carne? 2 Cobiçais e nada tendes; matais, e invejais, e nada podeis obter; viveis a lutar e a fazer guerras. Nada tendes por que não pedis. 3 Pedis e não recebeis porque pedis mal, para esbanjardes em vossos prazeres. ”

 Rev. Júlio Pinto
 

6 comentários:

  1. Gostaria de informar que não ha vitoria sem luta, no momento que sentimos os nossos direitos usurpados, ou retirados de maneira indevida. Temos o direito de brigarmos por elas, ou por aquilo que acreditamos. Do mesmo jeito foi feito com os povos Hebreus, citado no livro de Êxodo o segundo livro da Bíblia, escrito por Moisés, ele conta a história da libertação do povo de Israel do cativeiro do Egito será que teria acontecido esta libertação deste povo! Se aquele povo tivessem o mesmo pensamento que o seu? E tivessem deixado de acordo a vontades dos seus governantes, o que teria acontecido? Será que não e hora de mudar os seus pensamento e entender que Deus tem um propósito na vida de cada um. Há antes de esquecer Deus criou a mulher de uma costela do lado direito do homem, para ser sua companheira para andar do seu lado, não para fazer discórdia, isso já estava predeterminado por DEUS. Ou o senhor não acredita no que estar escrito na bíblia.

    ResponderExcluir
  2. ok, em primeiro lugar gostaria de saber com quem converso, o seu nome, pois com certeza não é com um viveiro que estou falando. 2. Uma condição para a conversa continuar será baseando-nos apenas na Escritura, pois ao que parece você tem algum conhecimento da Biblia, isso pode ser proveitoso.
    Em terceiro, vou responder a cada um dos seus questionamentos e posicionamentos dentro de parênteses, usando seu próprio texto e respondendo em seguida. O que estiver dentro dos parênteses é meu, o que estiver fora dos parênteses foi o que você escreveu.
    __________________________________________
    Gostaria de informar que não ha vitoria sem luta no momento que sentimos os nossos direitos usurpados, ou retirados de maneira indevida. (sua afirmação de que não há vitória sem luta é um engodo. Pois o próprio e triste exemplo que usou fora do contexto bíblico mostra que o povo de Deus não levantou uma palha sequer em guerra contra os egípcios, pelo contrário, quem guerreou contra os egípcios foi o próprio Deus enviando suas dez pragas. Faltou conhecimento bíblico de sua parte leia lá em Êxodo 2.23-25; 3.6-9; e principalmente Êxodo 3:20 Portanto, estenderei a mão e ferirei o Egito com todos os meus prodígios que farei no meio dele; depois, vos deixará ir.” Ou seja, quem lutou de fato foi Deus, não o povo, seu argumento tentando usar a bíblia como base está furado)
    (1. A maneira bíblica de nos conduzirmos enquanto cristãos é de acordo com os sentimentos??? Isso não é bíblico, é puramente humano e pecaminoso. O crente deve viver pela Palavra e tão somente por ela, independente do que ele venha a sentir. Ela é nossa Regra de Fé e Prática Quando Cristo disse, “amais vossos inimigos” Ele não está falando de sentimento, Ele fala de uma ação concreta independente do que eu sinta por quem quer que seja meu inimigo, “se seu inimigo tiver sede, dá-lhe de beber”. O coração de onde vem os sentimentos, a bíblia afirma: Jeremias 17:9 “Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e desesperadamente corrupto; quem o conhecerá?” Você confia no seu coração??? Se confia, está perdido e não sabe o que é ser cristão de fato. . Daí vc continua)

    Temos o direito de brigarmos por elas, ou por aquilo que acreditamos.
    (O direito de brigar sobre pelo que acreditamos a bíblia nos apoia em circunstância bem específicas:
    1. (Efésios 6:12 "...porque a nossa luta não é contra o sangue e a carne, e sim contra os principados e potestades, contra os dominadores deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal, nas regiões celestes". Todas as nossas lutas não são contra carne e sangue, mas contra forças espirituais e contra elas as armas humanas não valem de nada. Por isso uma das armas espirituais que vemos mais à frente neste texto de Efésios, é a oração, tá ruim??? ORE... essa é sua arma, não é a greve que resiste contra uma autoridade colocada lá por Deus... fechou os olhos na hora em que leu este texto da bíblia de Romanos que citei??? Ou só enxerga o que quer e do modo como quer???)
    2. ( nossa luta maior é contra o pecado: Hebreus 12:4 Ora, na vossa luta contra o pecado, ainda não tendes resistido até ao sangue – e essa luta só se vence com as armas espirituais)
    3. (uma guerra foi mandada por Deus no AT, contra as nações pecadoras, elas sim deveriam ser exterminadas pela espada a fim de manter a pureza do povo de Israel quando eles se apossassem da terra prometida. As guerras eram de nações contra nações, e não de população contra seus próprios governantes. Isso é antibíblico e pecaminoso)
    (CONTINUA)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. (CONTINUANDO...) (Em qual lugar da bíblia está escrito que temos o direito de lutar pelos nossos direitos???? Te respondo, não perca seu tempo: EM LUGAR ALGUM. Essa é uma premissa subentendida da declaração universal dos direitos do homem adotada pelas Nações Unidas no ano de 1948 nos Estados Unidos. Desta feita essa declaração de lutar pelos direitos do homem é uma declaração humana, não é bíblica. Mas afinal o que é a regra de fé e prática para você? Na Bíblia está escrito que para os que têm os direitos usurpados não são eles mesmos seus defensores mas o próprio Deus:
      1. Salmos 9:4 porque sustentas o meu direito e a minha causa; no trono te assentas e julgas retamente.
      2. Salmos 140:12 Sei que o SENHOR manterá a causa do oprimido e o direito do necessitado.
      3. Isaías 49:4 4 Eu mesmo disse: debalde tenho trabalhado, inútil e vãmente gastei as minhas forças; todavia, o meu direito está perante o SENHOR, a minha recompensa, perante o meu Deus.)
      (Quanto ao que disse:) Deus criou a mulher de uma costela do lado direito do homem, para ser sua companheira para andar do seu lado, não para fazer discórdia, isso já estava predeterminado por DEUS.
      ( Em primeiro lugar onde está escrito na Bíblia que foi da costela do lado direito que Deus tomou para fazer a Eva? Livro, capítulo e versículo? Segundo. Sua leitura do meu texto foi feita às pressas. Não entendeu absolutamente nada do que eu disse. Eu sou responsável pelo que eu falo e pelo que eu escrevo, não por aquilo que você entende. Onde foi que eu disse que Deus criou a mulher para discórdia?????? Esse foi seu entendimento. O que eu afirmei é que a mulher que tinha sido criada para ser companheira idônea, após o pecado já não há mais harmonia. O propósito da criação da mulher de fato é para ser companheira idônea, mas a realidade do pecado fez com que isso fosse perdido. Foi isso que afirmei. E vai me dizer que o pecado não influencia no casamento??? Vai me dizer que não existe dificuldades de relacionamento??? Chateações??? Só um grupo de pessoas não tem problemas no casamento por causa do pecado que herdamos de Adão: viúvas e solteiros. Paulo mesmo afirma esta questão: 1 Coríntios 7:28 Mas, se te casares, com isto não pecas; e também, se a virgem se casar, por isso não peca. Ainda assim, tais pessoas sofrerão angústia na carne, e eu quisera poupar-vos.)
      (Por fim você ainda disse:) Ou o senhor não acredita no que estar escrito na bíblia ( como acabou de ver acima, acredito sim naquilo que de fato está escrito na Biblia, e não naquilo que Você acredita estar escrito na bíblia. Ao que me parece, vc é do tipo que só ouve os outros falarem da bíblia, não estuda com profundidade se de fato as coisas ditas por outros estão lá.E se leu até aqui minha resposta com vontade de ler mesmo, percebeu de forma séria que nenhum dos seus argumentos tem fundamento bíblico como vc quis parecer que tinham. Minha recomendação é, procure alguém com mais sabedoria e conhecimento para lhe instruir na Escritura, pois quem vem lhe orientando não tem muito conhecimento. E esse conhecimento é bíblico e necessário, essa foi a profecia: Jeremias 3:15 Dar-vos-ei pastores segundo o meu coração, que vos apascentem com conhecimento e com inteligência). E agora digo. Você precisa mudar seu pensamento mundano para um pensamento mais bíblico e de forma prática e mais profunda sim. Ou seja, pegar a bíblia o que de fato ela ensina e pôr em prática. NUNCA USANDO TEXTOS FORA DE CONTEXTOS, NÃO CORROMPA A ESCRITURA, NEM USE ELA DE FORMA CORROMPIDA, MESMO SE FOI OUTRA PESSOA DESINFORMADA QUE LHE DESORIENTOU, POIS ISSO É PECAMINOSO TAMBÉM. Deus abençoe, e estou à sua disposição. Não esqueça: Se ainda quiser me responder, deixe seu nome, do contrário não haverá mais conversa, pois dentre outras coisas o cristão precisa ser transparente, por isso diga quem você é.)

      Excluir
  3. -Queria saber mesmo quando estão lhe pagando pra você fala esses absurdos??....é muito fácil questiona os professores, quando na verdade não está saindo nem um dinheiro do seu bolso, é muito fácil pega passagens da bíblia e interpreta de uma forma totalmente errada. O sentido é outro!
    -Você mesmo sendo um Pastor deveria saber muito bem que Deus é Justiça..Um verdadeiro líder religioso jamais iria usar a palavra de Deus para justificar a não reivindicação de seus direitos. Deus lutava contra a injustiça .
    -Agora eu lhe pergunto "Pastor
    se quando as ovelhas deixa de contribui o dízimo se você não usa a expressão está roubando o senhor. E o Joaquim que está deixando de pagar o que é nosso por direito o que ele está fazendo?
    Então..... Reflita
    E lhe digo, a luta dos professores não é só pelo dinheiro. É pelo desrespeito, a desvalorização do educador etc.

    ResponderExcluir
  4. Mesmo não tendo me respondido se deixaria ou não minhas respostas, estão aí. Sua fala está copiada e colocada entre áspas. “Queria saber mesmo quando estão lhe pagando pra você fala esses absurdos??...”.
    Quanto a isso é calúnia e difamação: Sabe o que isso significa, sabe onde pode parar?
    “é muito fácil questiona os professores, quando na verdade não está saindo nem um dinheiro do seu bolso,”
    Quem foi que te disse que não está saindo dinheiro de meu bolso? Sou professor também desde 1992, quando você ainda nem sonhava em nascer. Sou professor e sou funcionário da SEMEEC
    “É muito fácil pega passagens da bíblia e interpreta de uma forma totalmente errada. O sentido é outro!”
    Este é um argumento infantil. Se não é esse o sentido, diga qual é, EXPLIQUE.
    “-Você mesmo sendo um Pastor deveria saber muito bem que Deus é Justiça..”
    Sabe o que significa justiça Divina? Se soubesse saberia que ela não se aplica aqui.
    “Um verdadeiro líder religioso jamais iria usar a palavra de Deus para justificar a não reivindicação de seus direitos. Deus lutava contra a injustiça.”
    Deus não vai contra sua própria Palavra. A justiça na ótica humana, não tem absolutamente nada a ver com a Justiça Divina. E como respondi ao seu amigo: Quem lutava pelos direitos dos injustiçados, era o próprio Deus. Veja na minha resposta completa a ele na minha página do face.
    “-Agora eu lhe pergunto "Pastor se quando as ovelhas deixa de contribui o dízimo se você não usa a expressão está roubando o senhor.”
    Sobre essa questão duas coisas. 1. Você já assistiu algum culto em minha igreja para saber o que eu ensino ou o que deixo de ensinar? Você sabe se eu prego ou não sobre o dízimo? Teria de ir lá para ver. Mas se não quiser, pergunte a qualquer membro de minha igreja quantas vezes desde que cheguei aqui em 02 anos quantas vezes eles me ouviram falar sobre dízimo na igreja. 2. Sobre a expressão: “está roubando o Senhor”, não sou eu quem diz é a própria Bíblia. Se você é verdadeiramente cristã deveria saber disso, mas pelo parco conhecimento bíblico, creio que não deva ser; e se é precisa se aprofundar e muito mais.
    “E o Joaquim que está deixando de pagar o que é nosso por direito o que ele está fazendo?”
    Aqui você acabou de provar que não passa de massa de manobra, assim como centenas. Você já acessou o site de Transparência Financeira do Banco do Brasil para ver a previsão do FUNDEB deste ano para nosso município? Não? Acreditou em quem? Massa de manobra. Se você sabe como funciona a distribuição de verba do FUNDEB anualmente, sabe que a previsão nunca se realiza, sempre é para menos, e além disso que 15% da verba do FUNDEB de um ano só chega no outro em 31 de janeiro? Sabe que a previsão do FUNDEB tem de ser dividida por 13.33 para saber quanto dará por mês a previsão? 13 salários + 1/3 de férias. Sabe que o Sindicato se retirou da mesa de negociação com uma alegação infundada de que o governo não queria negociar a implementação do PISO? Se você quiser tenho uma filmagem deles se retirando do local. Quem correu da negociação não foi a prefeitura ou a semeec, foram seus defensores. CONTINUA...

    ResponderExcluir
  5. CONTINUANDO...
    “Então..... Reflita E lhe digo, a luta dos professores não é só pelo dinheiro. É pelo desrespeito, a desvalorização do educador etc. “
    Respeito? Desvalorização?? Sabe o que significam estas palavras? Creio que não. Pelo modo como começou a falar sobre mim, definitivamente você não sabe o que significa respeito e valorização. Deixando-me de lado. Veja ainda o que significa falta de respeito e desvalorização: Uma greve no início do ano, principalmente no Itinga do Pará vai fazer com que os pais tirem seus filhos das escolas do município e matriculá-los em Itinga do Maranhão, sabe a consequencia disso? A verba do FUNDEB para 2017 será menor que a deste ano, aí sim vai saber o que é desvalorização. Falta de respeito, cadê o respeito aos alunos e aos seus familiares quando precisarem cancelar suas programações de fins de semana por que os filhos terão de pagar a greve junto com os professores no sábados e feriados??? Você sabe quanto ganha um professor graduado em Belo Horizonte? Em São Paulo??? Vocês falam sem noção nenhuma da realidade. Dom Eliseu paga um dos melhores salários para professores de ensino fundamental que eu já vi. Em grandes capitais os professores não recebem o que nós recebemos aqui. Em toda a nação de ponta a ponta a crise tá comendo solta. O próprio ministro da educação declarou que sabe que a lei que tem que ser cumprida, mas sabe também da realidade do país e que a melhor coisa a fazer é as entidades de classe negociarem com as prefeituras. Veja no site do MEC, procure lá, não vá pela cabeça de outros. Sabia que tem prefeitura que ainda não pagou o 13° salário do ano passado todo, dividiu em 4 parcelas? Sabe que tTem prefeitura que despediu professores concursados e efetivados dos últimos concursos que realizaram porque não têm dinheiro para pagar a folha? Sabe que tem prefeitura que retomou a lei de lotação fazendo-a cumprir na íntegra, tirando carga horária de professores que tinham 200 horas, mas o concurso só garantia 100, ficaram com 100. E teve prefeitura? Sabe ainda que teve prefeitura que simplesmente fechou todas as escolas do município por não ter como pagar a folha e restaurar as escolas que estavam caindo aos pedaços? E aqui como as coisas estão? E você ainda tem a coragem de dizer um despaltério desses??? Você recebeu seu 13°? Seu salário está em dia? Você está fazendo o mesmo número de horas que seu concurso havia prometido??? Tem hora atividade e Coordenação pedagógica na sua escola? Falta de respeito e desvalorização? Não se deixe manobrar e busque conhecer a realidade. Esse ano é um ano de eleições. Vai me dizer que integrantes do sindicato não tem aspirações políticas para esse ano?? Uma greve logo no início das aulas é o que queriam, não deu certo, foram desarmados por que não havia motivo. E agora, têm motivo??? Qual é??? É o que realmente eles estão alegando? Tudo o que for feito daqui por diante pode manchar quem quer que seja nas eleições do final do ano. Com uma propaganda dessas que você fez contra o governo, quem sai ganhando popularidade???? Acertou, seu manobrador com aspirações políticas para o final de ano.

    ResponderExcluir

A todos os leitores peço que deixem seus comentários. Todos os comentários estarão sendo analisados segundo um padrão moral e ético bíblicos e respondidos à medida que se fizer necessário.